Treviso Pizzaria_970x90
ARTIGO

Equilíbrio é Tudo....

Por Taiana Bratfisch

Taiana Bratfisch

Taiana BratfischTrabalho há 11 anos na área da Estética Corporal e Facial com formação em várias áreas de terapias integrativas. Nesse período graduei na área da Nutrição; Técnica em Nutrição e Dietética pela Uniasselvi. Nutricionista com Especialização em Neuropsicológica, Fitoterapia, MBA em Coaching em formação, Cursando Modulação Intestinal I. Curso de Capacitação de Nutrição e Suplementação Esportiva, e Alimentação Especial e Estratégias de Controle da Obesidade E Aspectos Psicológicos e do Emagrecimento.

01/06/2021 10h58Atualizado há 3 semanas
Por: Redação
Fonte: Taiana Bratfisch
5.556
Taiana Bratfisch (Foto: Divulgação)
Taiana Bratfisch (Foto: Divulgação)

Hoje o dia pede equilíbrio em boa dose contínua... Gosto desse tema, e falar sobre ele com você deixa tudo mais “clean”. O assunto também é sobre o cansaço crônico que faz parte do dia-a-dia, bem comum no nosso corpo, deixando-o suscetível a infecções. Inserir alimentos que reforcem nosso sistema imunológico é a dica da nutri do mês.

Um alimento muito interessante que pode-se sugerir em um planejamento é o coco... Pode ser a polpa, água, leite ou o óleo. No óleo de coco encontra-se uma maior concentração de ácido láurico (mesmo que ácido graxo presente no leite materno), promovendo o equilíbrio e estimulando e fortalecendo todo sistema imune do corpo. Inacreditável! E o que você está esperando para incluir no manejo diário? Estudos mostram que o óleo de coco extra virgem é eficaz para deixar o corpo livre de inúmeras bactérias, fungos e até vírus, mas precisa utilizar na dosagem correta por quilograma de peso corporal e dentro das preparações pré-estabelecidas, pois o alimento é calórico, possui gordura saturada e grandes porções podem comprometer o organismo.

Além de boa fonte de triglicerídeos de cadeia média (significa que é transformado em energia no fígado e não estoca no corpo, sendo convertido em cetonas - importantes fontes de energia alternativa para o cérebro), estimula a tireoide, acelera o metabolismo e ajuda no processo de emagrecimento.

Sobre a interação com intestino, em casos de prisão de ventre, flatulência e diarreias, interage rapidamente. O ácido láurico presente no alimento elimina bactérias maléficas, favorecendo o crescimento da microbiota intestinal (bactérias amigas).

E falar sobre mexer nos ponteiros da balança para menos nos alegra! Vejo até um sorrisinho em seu rosto... Então vamos lá: ele proporciona a saciedade e não estimula a liberação de insulina pois é absorvido pelo organismo. Contribui diretamente para aquela compulsão por produtos calóricos e ricos em gorduras trans que impacta diretamente no peso...

O poderoso óleo de coco.

1 - Melhora a imunidade.

2 - Combina com qualquer tipo de alimento.

3 - Não há contraindicação (mas o consumo precisa ser moderado)

4 - Pode substituir os tradicionais óleos de cozinha.

5 – Auxilia no emagrecimento

6 – Poderoso estimulante de beleza na estética pois hidrata pele e cabelos.

7 - Pode ser usado antes de malhar.

8 – Pode ser usado como antifúngico vaginal (sob orientação).

9 - Controle do colesterol.

Alguns estudos mostram a eficiência do óleo de coco no aumento do colesterol bom, o HDL.A sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC) confirma em sua I Diretriz Brasileira de Hipercolesterolemia Familiar (HF), que o ácido láurico presente no alimento tem potencial de aumentar esse tipo de colesterol em relação aos outros tipos de gorduras saturadas, mas também eleva o LDL, considerado um colesterol ruim. Portanto, a SBC contraindica o óleo de coco para pessoas que tenham colesterol alto, e também solicita estudos adicionais antes de consolidar seu uso para pessoas com outras síndromes em seu metabolismo. O óleo também não deve ser ingerido por pessoas que tomam anticoagulantes.

Principais nutrientes do óleo de coco

Uma colher de sopa de Óleo de coco (cerca de 13,6 g) possui: 121 Kcal, 0 g de fibras.

 

Proteína 0 g
Cálcio 0,136 mg
Ferro 0,007 mg
Sódio 0 mg
Zinco 0,002 mg
Vitamina E 0,015 mg

Quantidade recomendada de óleo de coco: O ideal é consumir uma colher de sopa de óleo de coco, mais do que isso ultrapassa as quantidades de gordura saturada diárias. Se passar do uso indicado haverá um consumo maior de energia do que você gasta, o que sempre resulta em sobrepeso.

Um aviso: o óleo de coco não é muito recomendado para ser usado em frituras, além de ser um uso pouco saudável, pode deixar os alimentos com gosto de coco, como a batata frita e carnes. A adição do alimento deixa as bebidas com um gosto leve de coco e isso pode impactar na textura se você não estiver acostumado, então vá adicionando aos poucos e assim consiga incluir no seu uso habitual. Pode ser usado na preparação de bolos e tortas, por exemplo, também pode ser misturado em iogurtes, sucos ou vitaminas.

Para finalizar, ressalto que o óleo de coco é um alimento que precisa ser consumido de forma moderada por ser uma gordura. Não é recomendado que ele seja a única fonte de gordura na dieta e ele não é um alimento milagroso, mas auxilia demais no equilíbrio do corpo.

Ame-se.

Cuide-se...

Beijo da Nutri.

Watts: (47) 997862121  / 3288-3187

Telegram: https://t.me/taianabrnutri

Instagram: taianabratfisch.nutri

E-mail: taianabr.nutri@gmail.com

Facebook: TaianaBratfischNutricionista

1comentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários