Treviso Pizzaria_970x90
CVV

CVV realiza Semana de Valorização da Vida em Blumenau adaptada ao isolamento social

Jornalista André Trigueiro e psicólogo Antônio Gomes da Rosa são as grandes atrações neste ano

08/05/2021 16h22Atualizado há 1 mês
Por: Redação
61

O CVV, entidade sem fins lucrativos que oferece apoio emocional gratuitamente há 59 anos, realizahá mais de duas décadas as Semanas de Valorização da Vida com a finalidade des sensibilizar e difundir temas que abordem a valorização da vida em seus mais diversos aspectos.

Zita Darugna, voluntária do CVV em Blumenau, comenta que, tradicionalmente, a Semana é realizada por uma combinação de ações culturais, palestras, debates e intervenções em locais públicos “Apesar da necessidade do isolamento social imposto pela pandemia de Covid-19, não deixaremos de fazer nossas ações. As adaptamos da melhor maneira possível e trouxemos convidados com muito conteúdo e maior alcance, por meio de internet”, comenta a voluntária.

O estado de Santa Catarina possui a Lei nº 14.884 de 22/10/2009 e o município de Blumenau a Lei7.757 de 04/06/2012 que instituem a Semana de Valorização da Vida anualmente, na segunda semana de maio.

Neste ano, as duas grandes atrações serão por lives no Youtube oficial do CVV (@cvv/oficial):

Dia 09/05/2021 (domingo) às 19h - André Trigueiro, jornalista com pós-graduação em Gestão Ambiental pela COPPE/UFRJ onde leciona a disciplina “Geopolítica Ambiental”, professor e criador do curso de Jornalismo Ambiental da PUC-Rio, escritor, palestrante, repórter da TVG Globo editor-chefe do “Cidades e Soluções” e comentarista dos programas “Estúdio i” e Em Pauta”, na Globonews. Autor de vários livros entre os quais “Viver é a melhor opção: a prevenção do suicídio no Brasil e no mundo”, “Cidades e Soluções: como construir uma sociedade sustentável”, e “A Força do Um”.

Dia 12/05/2021 (quarta-feira) às 19h - Antônio Gomes da Rosa, psicólogo, mestre em saúde pública especialista lato sensu em psicoterapia e psicodrama, psicanalítico e saúde mental. Coordenador municipal da política de prevenção da automutilação e suicídio.

As lives serão gratuitas e abertas ao público, e ficarão disponíveis online após suas realizações.

Sobre o CVV

O CVV presta serviço voluntário e gratuito de prevenção do suicídio e apoio emocional para todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo. Os mais de 3 milhões de atendimentos de 2020 foram realizados por cerca de 4.000 voluntários em mais de 120 postos de atendimento pelo telefone 188 (sem custo de ligação), ou pelo www.cvv.org.br via chat, e-mail ou carta. A entidade realiza também ações presenciais (temporariamente suspensas devidoà pandemia), como palestras, Curso de Escutatória e grupos de apoio a sobreviventes do suicídio – GASS (https://www.cvv.org.br/cvv-comunidade/), frentes essas que geraram 2,8 milhões de contatos em 2019. O CVV é uma entidade financeira e administrativamente independente mantendo-se por meio de doações de pessoas físicas e jurídicas – para colaborar acesse https://www.cvv.org.br/colabore.

Sobre o suicídio

O suicídio é um problema de saúde pública que mata pelo menos um brasileiro a cada 45 minutos mais do que o HIV e muitos tipos de câncer. O movimento Setembro Amarelo,  iniciativa brasileira para ampliar o impacto do dia 10 de setembro, dia mundial de prevenção do suicídio, foi iniciado em 2015 para sensibilizar e conscientizar a população sobre a questão– www.setembroamarelo.org.br

* Dados do Ministério da Saúde

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários